Boletim Mensal – Maio de 2016

[vc_section][vc_row][vc_column][vc_column_text]

Anderson Prego participa da 6ª Marcha pela Integração do transporte coletivo

[/vc_column_text][/vc_column][/vc_row][vc_row][vc_column width=”1/2″][vc_single_image image=”1516″ img_size=”full”][/vc_column][vc_column width=”1/2″][vc_single_image image=”1514″ img_size=”full”][/vc_column][/vc_row][vc_row][vc_column][vc_column_text]O vereador Anderson Prego esteve presente, no dia 21 de maio, na 6ª Marcha Pela Integração e Pela Redução da Tarifa no terminal do Roça Grande, organizada pela Associação de Moradores do Jardim Osasco e Região. O Terminal Roça Grande completará 7 ANOS de operação nesse ano de 2016, e até hoje não tem integração com os terminais de Curitiba, prejudicando os moradores que tem que pagar quatro passagens por dia. Há alguns anos os moradores vêm reivindicando pela integração do transporte coletivo e até agora nada foi feito.
Cabe ressaltar que o vereador Anderson Prego tem feito uma luta constante em favor do transporte público de Colombo, cobrando melhorias e ampliação de itinerários, a integração com a Região Metropolitana, mas também, uma adequação das linhas que circulam por nosso município, a fim de melhorar o deslocamento dos cidadãos e cidadãs por nossa própria cidade.[/vc_column_text][/vc_column][/vc_row][vc_row][vc_column][/vc_column][/vc_row][/vc_section][vc_section][vc_row][vc_column][vc_column_text]

1ª Batalha de Mc’s de Colombo

[/vc_column_text][/vc_column][/vc_row][vc_row][vc_column width=”1/3″][vc_single_image image=”1517″ img_size=”full”][/vc_column][vc_column width=”1/3″][vc_single_image image=”1518″ img_size=”full”][/vc_column][vc_column width=”1/3″][vc_single_image image=”1519″ img_size=”full”][/vc_column][/vc_row][vc_row][vc_column][vc_column_text]No dia 29/05, aconteceu a 1° edição da BATALHA DE MC’S DE COLOMBO, realizada no Salão da Capela do Atuba com inicio às 14h e a presença massiva da juventude. O objetivo do evento foi em promover um momento de cultura e interação entre os moradores e fortalecer a cultura e a Juventude de Colombo. Um momento importante onde nem o tempo ruim foi capaz de espantar o público, que foi prestigiar a criatividade e força que tiveram os MC’S em mostrar a arte através da música. Confiram os resultados: 1° lugar, Mc, Hilário de Lima morador do bairro Campo Alto. 2° lugar, Rodrigo Almeida, o MC Digo do bairro Paloma. 3° lugar ficou com MC Sulivam.[/vc_column_text][/vc_column][/vc_row][vc_row][vc_column][/vc_column][/vc_row][/vc_section][vc_section][vc_row][vc_column][vc_column_text]

Vereador Anderson Prego busca melhorias para o Social Plaza

[/vc_column_text][/vc_column][/vc_row][vc_row][vc_column width=”1/2″][vc_single_image image=”1520″ img_size=”full”][/vc_column][vc_column width=”1/2″][vc_column_text]Na sessão ordinária de 17 de maio , foram para discussão duas indicações do Vereador Anderson Prego, as quais solicitam a melhoria de iluminação e instalação de câmera de monitoramento no Social Plaza. As indicações visam melhorar a segurança e combater o vandalismo e a depredação do local. A falta de iluminação acaba trazendo muita insegurança à população, o espaço sendo bem iluminado certamente inibirá os atos de vandalismo e consumo de drogas e também auxiliará na preservação daquele importante espaço.[/vc_column_text][/vc_column][/vc_row][vc_row][vc_column][/vc_column][/vc_row][/vc_section][vc_section][vc_row][vc_column][vc_column_text]

Diga Não à cultura do estupro

[/vc_column_text][/vc_column][/vc_row][vc_row][vc_column width=”1/2″][vc_single_image image=”1515″ img_size=”full”][/vc_column][vc_column width=”1/2″][vc_column_text]Na sessão ordinária de 31 de maio, o vereador Anderson Prego utilizou seu espaço da palavra livre para ressaltar a importância em se debater gênero desde a infância, para que a cultura do estupro e o machismo não se perpetuem na sociedade. Em sua fala, o vereador apresentou que a cada 11 minutos, uma mulher é estuprada no Brasil. A falta do debate de gênero e da Educação para não violência acaba instigando a sociedade a justificar as diversas formas de violência sempre culpando a vítima, alegando que a mesma não deveria ter usado “determinadas roupas, ou saindo em determinados horários”.[/vc_column_text][/vc_column][/vc_row][vc_row][vc_column][/vc_column][/vc_row][/vc_section]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *